clique e vá direto para o site oficial

ENTRE DIRETO NO SITE

TODAS AS MATERIAS ESTÃO NO SITE
www.obaianao.com.br



NOSSO CONTATO: 73-8808-3617 EMAIL. pastorjoelson1@hotmail.com

segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

Mulher morre e familiares diz que foi negligência médica




Carla Deio Nascimento 21 anos, natural de Eunapolis, morreu na cidade Una Bahia.

Familiares e amigos procuraram a reportagem do obaianao, para esclarecer algumas coisas e reivindicar pela morte de Carla.

A irmã de Carla, Rosangela Deio Nascimento 30 anos falou que sua irmã havia se mudado para cidade de Una a dois meses e que a mesma estava grávida de seis meses.

Segundo informou Rosangela,que o marido de Carla conhecido por Alex, levou a esposa com forte dor de cabeça ao hospital municipal Frei Silvério na tarde do dia 14/02 ( segunda feira).
O hospital Frei Silvério encaminhou Carla para outro hospital na cidade de Ilhéus no mesmo dia 14/02. na terça feira 15/02 ela teve alta e voltou para sua casa em Una.

Na quinta feira a noite 17/02 Carla tornou a passar mal com dor de cabeça e febre, mais uma vez ela foi conduzida e medicada no hospital Frei Silvério e liberada na sexta 18/02, segundo a irmã ainda passando mal.
No incio da noite, Alex ( esposo da vitima), levou –a mais uma vez ao hospital e quando foi as 20:00hs ela não resistiu e foi a óbito.

Daí por diante começou mais um grande problema e dor de Cabeça para familia.
Os familiares que moram em Porto seguro ao receber a noticia foram com amigos para a cidade de Una, para fazer o translado do corpo para Porto seguro.

No sábado 18/02 pela manhã por volta das 6:00hs os familiares chegaram no hospital e logo foram surpreendidos, porque ao chegar ja avistaram o corpo em uma sala no hospital onde segundo eles qualquer pessoa pode chegar puxar o portão e entrar.

O hospital então enviou o corpo para o IML de Itabuna para ser necropsiado, a familia ficou revoltada por que o hospital não tinha funcionários disponivel para colocar o corpo no veiculo.

Além de ajudar a colocar o corpo no carro, Familiares tiveram que usar luvas que segundo um irmão da vitima as mesmas pareciam já ter sido usadas.

Rosangela disse que o corpo foi dentro de uma kombi e não tinha nem uma cuba para colocar o corpo dentro, que no percurso o corpo ia rolando de uma lado para outro, sem contar com a ignorãncia do motorista que por sua vez se mostrava com má vontade para fazer a condução.
Ao chegar no IML de Itabuna a familia recebeu outra noticia, o IML não recebeu o corpo alegando que a vitima nao tinha sido morta por morte violenta, nesse momento disse Rosangela que o motorista da kombi disse que ja sabia que o IML não iria receber .


Segundo os familiares, a equipe de Policia em Itabuna lhes trataram bem .

então voltaram para Una no final da tarde de sabado com o corpo, ao chegarem no hospital Frei Silvério, um grande tumulto se formou porque a familia precisaria de um atestado de óbito para levar o corpo para Porto seguro.


Uma enfermeira disse para carlos, irmão da vitima, que a causa da morte poderia ser Minigite, Dengue Hemorágica ou Eclampse mais que nao poderia dizer para não se comprometer.


Na manhã de sabado 19/02 o médico não atendeu a familia, só a tarde quando a famlia retornou de Itabuna com o corpo o mesmo médico deu o atestado de óbito informando que a causa era desconhecida.


Os amigos e familiares ficaram revoltados com o mal atendimento e descaso no hospital Frei Silvério, segundo eles os funcionários não usam indentificação, tratam mal as pessoas sem contar que não existe ficha no hospital onde nao exsite controle de entrada e saida de pacientes ( disse o irmão).

Tudo foi registrado em video e fotografia pelos familiares.

A familia diz que vai pedir na justiça para o corpo ser exumado para que a verdadeira causa da morte seja esclarecida pois além de tudo isso, Carla foi sepultada com um feto na barriga de seis meses de gestação.

A familia também esclarece acerca de rumores que circulou na cidade de Porto seguro que Carla teria tentado um aborto sendo isso a causa da morte, segundo a familia Carla jamais faria isso.

Carla foi sepultada na manhã deste domingo 20/02, deixou dois filhos e muita Saudades para com os amigos e familiares.

11 comentários:

Réggy disse...

é uma falta de respeito com o ser humano espero que a justiça seja feita e que Deus conforte os corações dos familiares e amigos.

21 de fevereiro de 2011 19:26
paulista disse...

a vergonha é nossa! o unico orgao do governo k chega ao povo da periferia ea policia, parabens povo, pela sabedoria de votar em quem poe carro de som nas praças,ae só vai melhorar quando um governante tiver uma .40 na cabeça de refem...ou quando o povo acordar e exijir com uniao seus direitos.
ACORDA POVO OTARIO!!!!

22 de fevereiro de 2011 11:04
naldo disse...

que deus conforta os familiares da carlinha e que ela descansa em pazzzzzzzz nos a amamos muito var com deus minha filha

22 de fevereiro de 2011 16:14
fernando disse...

que deus ilumine ela sempre.
em qualque lugar que ela esteja
que confortam todos os familiares de carlinha
e proteja sempre essa familia
ela deixou muitas saudadess pra todoss
nos amamoss muitoss vc....

23 de fevereiro de 2011 06:04
Anônimo disse...

meu deus isso ai que chaman de hospital
isso deviria serbisolada
tão fanlondo que ela ñ foi nem botada numa cuba para poder viajar
e o corpo dela foi rolando de um lado para o outro
esse hospital deveria ser interditado

24 de fevereiro de 2011 07:51
Anônimo disse...

eu sou prima e tenho 14 anos , ja pensou se eu adoecesse e fosse atentida por um medico desse ? o que seria de mim, eu ia voltar viva ou morta pra casa, ou eu ia ter que ficar rolando em um papelão de um lado a outro na kombi ? que horror, e ainda o motorista na maior ignorancia, e ai motorista se fosse seu filho ? agiria da mesma forma ? e seu doutor se fosse sua mae ou seu filho ?

26 de fevereiro de 2011 06:36
Anônimo disse...

Eu sou tia e espero que esse caso tenho justiça, sera que essas pessoas nao tem filho, nao tem familia, esse medico, esse motorista da kombi, se vces tem filhos, voces gostariam que acontececem alguma coisa dessa com seus filho ou com alguem de sua familia, voces estudaram medicina pra que ? pra se transformarem em urubu , resa e pede a Deus pra nunca acontecer isso com alguem da familia de voces, pra voces n sentirem a dor da familia e dos amigos da carlinha estao passando, ela era uma menina muito linda e muito doce, e tinha uma maizade saudavel com todos com amigos, quantas pessoas ja aconteceu isso naquele hospital e ninguem fez nada, isso é um hospital ? voces gostariam que algum familiar de vcs morrecem e botassem em uma kombi com papelao embaixo, rolando de um lado pra o outro, porque o hospital nao tem uma cuba pra colocar o corpo, ou voces tão penssando que o ser humando é o que , espero que haja justiça e isso nao é um hospital e esse medico nao é um medico, então doutor quantas vidas voce ja matou ?

26 de fevereiro de 2011 06:36
Anônimo disse...

Carla descance com Deus minha filha , sei que voce foi muito querida na terra e sei tambem que sera onde voce estiver, eu te amava muito , todos nos te amavamos muito, mais tem que aver justiça, esses medicos tem que ser mais sabio, pra cuidar da vida do ser humano, o que aconteceu com ela pode acontecer com qualquer pessoa, entao descanse em paz, mais voce continuara viva no coração de cada um

26 de fevereiro de 2011 06:39
isla carla disse...

tenho 14 anos ñ conhecia ela mas acho um absurdo o que aconteceu que cidade é essa? que ainda ñ espussou esse medico e o motorista dessa konbi que levou a menina no papelão!! vc tem filho, tem mulher, tem irmão, se um deles morresem vc carregaria desse jeito? eu ñ conhecia ela mas conheço os familiares ! quando vc medico e vc motorista morre e alquem tem que ammarar uma corda no pescoço de vcs e amarrar no carro e sai de una até itabuna arrastando pela pista!! até chegar os pedaços!!!!!INRESPONSÁVEISSS

26 de fevereiro de 2011 12:03
Anônimo disse...

Nada que possamos fazer trará a calinha menina alegre linda e cheia de vida de volta,mais temos que lutar para saber o que realmete aconteceu com ela nesse hospital,como meu DEUS uma pessoa estudo durante 5 6 anos se forma para cuidar das pessoas e põe no atestado de obto doença desconhecida,isso não existe, e o bebe porque não tentarão salvar,ela foi enterrada com o seu filho no ventre,eu me pergunto dr se o senhor não sabe do que que ela morreu o que o sr faz em um hospital,pra que tem um diploma de medicina?

26 de fevereiro de 2011 12:54
Anônimo disse...

Estamos extremamente tristes em saber que o ser humano, em alguns lugares, nao tem valor algum. Como que isso pode acontecer? Como que um ser tao lindo pode nos deixar sem explicacao alguma? Como que podemos seguir em frente sabendo que isso pode acontecer com qualquer um de no's?
Esta' na hora de buscarmos conhecimento, se unir e tentar mudar a maneira que escolhemos as pessoas para ser os nossos liders. Isso, um dia, tem que terminar. Oque aconteceu com Carlinha, nao culpamos so' o medico, mas sim todos que estao acima dele. Como e' que um hospital se encontra nequele estado? Isso esta' acontecendo nao so' naquele hospital, mas tambem tenho certeza que todos vcs sabem de alguem que passou por uma situacao similar ai mesmo no Hospital Luiz Eduardo Magalhaes.
Enfim, temos que procurar justica para Carlinha. Mas tambem temos que lutarmos para que isso nao se repita!
Que Deus abencoe a familia e amigos dessa linda mulher. Que Carlinha encontre paz ao lado de seu pai e irmao.
Saudades e' o que nos resta. Lembrancas nunca serao esquecidas!

27 de fevereiro de 2011 08:27

Postar um comentário

 
obaianao | by TNB ©2010